Blog vem surpreendendo nos acessos…

Por Luís Pablo Blog
 

Este blog que foi ao ar no dia 11 de fevereiro, está deixando para trás muitos blogueiros que ainda não conseguiram nem passar dos 2 mil acessos por dia.

No dia 11 de abril, o blog vai está completando 2 meses de existência e seus acessos vem como um tsunami, atingindo uma marca que muito blogueiros batalharam durante meses para conseguir.

Através de denúncias e notícias em primeira mão, o blog vem ocupando um grande espaço e tendo credibilidade. Tudo isso graças aos leitores que participam constantemente deste trabalhando, informando e denunciando.

Só no mês de março, o blog teve 105.325 mil acessos únicos (são acessos por cada computador) e 236.102 mil visualização de páginas (quando um único computador é acessado por mais de uma pessoa).

A média diária do blog está em 3.500 acessos únicos. Uma marca que já surpreende a todos, que até hoje estão suando a camisa para alcançar.

Seduc e professores voltam a negociar o fim da greve

Por Luís Pablo Maranhão
 

Pais de alunos do Liceu Maranhense vão se reunir com professores na manhã desta sexta-feira (8). Eles conversarão com os docentes, que estão em greve há quase um mês, para tentar negociar o andamento das aulas na escola. O encontro será realizado na sede do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Maranhão (Sinproesemma).

Ontem (7) uma comissão de professores foram recebidos pela secretária de Estado da Educação, Olga Simão, e as negociações foram abertas novamente. Contudo, a secretária afirmou que as negociações só serão ampliadas após o fim do movimento grevista, deflagrado no dia 16 de março.

A Justiça estadual, inclusive, decretou a ilegalidade da greve, o que foi confirmado pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Uma das determinações da Justiça já está sendo posta em prática, que é o registro de falta e o corte no ponto dos professores que não estão dando aula. Júlio Pinheiro, presidente do sindicato, disse que a categoria está interessada na retomada do diálogo e, caso o governo apresente uma nova proposta, eles podem voltas às aulas.

“A proposta que fizemos ao Sinproesemma é que os professores retornem para as salas de aulas, e que o governo e o sindicato construam uma proposta dentro das possibilidades orçamentárias do Estado”, assinalou Olga Simão.

Panicat participa de evento para lançamento da equipagem do Moto

Por Luís Pablo Cidade
 

O Moto Club de São Luís realiza hoje, com participação da modelo Panicat Babi Rossi, capa da Playboy, evento para lançamento dos novos uniformes do Papão. Trata-se da Babi, capa da edição de Abril da revista Playboy.

A modelo fez o lançamento oficial da revista, nesta quinta-feira (07), em São Paulo.

A festa contará ainda com a presença do ídolo da torcida rubro-negra Kléber Pereira, e será animada pelas bandas Conexão.Som e Bicho-Terra, além de outras surpresas para o torcedor.

Os ingressos estarão à venda a partir de amanhã, ao preço de R$ 10,00 arquibancada e R$ 250,00 mesa para quatro pessoas.

As arquibancadas poderão ser compradas nos seguintes pontos:

Centro: Sapataria Mirim, Lojas Padre Cícero e Plásticos São Luís; Jaracaty e no Rio Anil Shopping: loja Canto das Torcidas; Cidade Operária: América Pisos.

As mesas poderão ser compradas somente no Jaracaty Shopping. Nesse caso o torcedor que adquirir a mesa terá de retornar à mesma loja na quinta-feira, dia 07 de abril, para receber as quatro pulseiras, que darão acesso à quadra, onde ficarão as mesas.

É hora da torcida rubro-negra fazer sua parte e lotar o ginásio. O Moto Club conta com a sua contribuição!

Prefeita de Timon não paga décimo terceiro dos funcionários públicos

Por Luís Pablo Política
 

A prefeita de Timon, Socorro Waquim, não repassou o dinheiro para a Secretaria de Saúde do município efetuar o pagamento dos servidores públicos.

Segundo informações, a Secretaria só efetuou o pagamento do décimo terceiro para os funcionários efetivos, mas dos contratados estão em atraso o décimo e as férias, desde o ano passado.

A reclamação é geral entre os contratados, porque a prefeitura está fazendo vista grossa diante desta situação.

Enquanto isto, o filho da prefeita Wlisses Almeida Waquim, anda se divertindo viajando para assistir aos jogos do seu time Flamengo.

Wlisses Waquim com o chapéu do flamengo, no estádio do Castelão, em Fortaleza

Confusão e quebra-quebra no município de Chapadinha

Por Luís Pablo Maranhão / Política
 

Caos na saúde pública de Chapadinha

A falta de organização na estrutura pública administrativa do município de Chapadinha, sob o comando da prefeita Danúbia Carneiro, é um problema sério e que precisa ser remediado o quanto antes, principalmente no âmbito da saúde.

A população passou por uma situação desesperadora e catastrófica, enfrentando um verdadeiro tumulto que se formou na central de marcação de consultas e exames do município, anexa a estrutura do antigo Hospital São Francisco.

Debaixo de um sol escaldante, os populares aguardavam de maneira penosa, por uma vaga para serem atendidas por um odontólogo que presta serviço a prefeitura municipal de Chapadinha. A confusão foi tamanha que pouco antes de chegar ao local pessoas haviam protagonizados cenas de quebra-quebra, em revolta a deprimente situação que se deparavam.

População sofre com a péssima administração da prefeitura

A polícia Militar e membros da Guarda Municipal foram chamadas para tentar amenizar a situação, mas a revolta dos populares com a falta de organização do setor, era algo visível.

Muitos que ali estavam, relataram ter pernoitado por uma vaga para o atendimento, isso depois da atual responsável pelo setor, Wanda Nascimento, ter informado que não seria mais necessário pessoas em fila para conseguir vagas.

Segundo informações, o que foi prometido não está funcionando adequadamente e somente depois do quebra-quebra ocorrido que o atendimento foi iniciado.

O Brasil amanheceu de luto…

Por Luís Pablo Brasil
 

O que será que passa na cabeça de um ser humano?

A tragédia que se abateu sobre a cidade do Rio de Janeiro, na manhã desta quinta-feira, já recheou o sempre atrapalhado cardápio discursivo de algumas autoridades.

No afã de justificar a invasão de uma escola pública, o governador Sérgio Cabral Filho (PMDB) classificou como “animal” o descontrolado que matou onze crianças e em seguida se suicidou.

O ser humano nada mais é do que uma esfinge, espécie que mescla os lados humano e animal. Quando a porção animalesca prevalece no ser humano, a tendência é que ele parta para um processo de eliminação de tudo aquilo que lhe incomoda.

Assim funciona o reino animal. Em sua teoria antropológica, Aristóteles sempre defendeu a ideia de que o homem é um “animal social”. A sociabilidade citada por Aristóteles se deve ao fato do homem ser o único animal que fala. E é a interlocução, independentemente da qualidade e da intensidade, que garante ao homem a condição de “animal social”.

A introspecção excessiva transforma o comportamento humano em uma abissal incógnita, para não afirmar que é um repleto barril de pólvora rodeado por incendiários inveterados.

E foi o que aconteceu no caso da escola carioca. O franco atirador tentou sacar do cotidiano algo que lhe incomodava, pois a mudez passou a ser a plataforma de um crime premeditado, sem justificativa, mas com uma eventual explicação, mesmo que absurda.

A brutalidade desse crime provocará discussões quase infindáveis e não conclusivas sobre a formação dos cidadãos.

Atleta da seleção brasileira profere palestra para estudantes ribamarenses

Por Luís Pablo Maranhão
 

Considerado como um dos melhores atletas do mundo na modalidade, o jogador Buru, destaque da seleção brasileira de Beach Soccer, proferiu, na última quarta-feira (06), palestra educativa para centenas de alunos da rede municipal de ensino de São José de Ribamar.

Buru visitou o município a convite da Federação Maranhense da modalidade e foi recebido pelo prefeito Gil Cutrim (PMDB), cuja administração está promovendo a 1ª Copa São José de Ribamar de Beach Soccer.

Nas dependências da Escola Municipal Liceu Ribamarense, local onde foi realizada a palestra, o jogador, além de fazer um breve relato da sua trajetória de vida, falou da importância do esporte como mecanismo modificador da realidade pobre de milhares de jovens brasileiros. Ressaltou, ainda, o valor da educação no processo de formação de um atleta.

“Se o seu sonho é ser um atleta, você tem que se dedicar ao máximo para alcançar este objetivo. Mas também é preciso se dedicar aos estudos. Esporte e educação sempre devem caminhar juntos”, afirmou o jogador.

Buru fez questão de elogiar a realização da Copa São José de Ribamar de Beach Soccer, assim como as políticas públicas de incentivo ao desporto executadas pelo governo Gil Cutrim no município. “Já estive várias vezes aqui, em Ribamar, e posso afirmar que esta administração tem compromisso com o esporte. Ela o enxerga como uma política pública importante para melhorar os indicadores sociais do município”, avaliou o atleta que, em 2005, integrou a seleção ribamarense de Beach Soccer.

Gil Cutrim parabenizou Buru e disse que a história de vida do jogador serve de exemplo para os jovens da cidade.

“Perseverança, comprometimento e disciplina são qualidades de homens de bem que se tornaram grandes atletas. O Buru é um exemplo de grande atleta e a sua trajetória serve de referência para os jovens que queiram entrar na carreira esportiva”, comentou o prefeito.

Copa na reta final

A 1ª Copa São José de Ribamar de Beach Soccer entra, nesta sexta-feira (08), nas semifinais. Das 21 equipes inscritas na competição, apenas quatro disputarão as partidas marcadas para a noite desta sexta. Os finalistas decidirão o título em jogo marcado para as 17h deste sábado (09), na praia de Banho da Sede do município. A Copa está sendo promovida pela Prefeitura, em parceria com a Federação Maranhense de Beach Soccer.

Monólogo de um deputado corrupto

Por Luís Pablo Política

Obrigado povo besta

Por permitir a corrupção,

tentam de todo modo me derrubar,

mas tenho uma muralha de proteção.

Ter um promotorzinho nas mãos

para garantir a defesa dos ataque,

isso é muito fácil, basta convidá-lo

para tomar um drink ou um conhaque.

Pescaria na minha fazenda,

promotor na minha rede de pesca,

Que venha os processos contra mim,

nada me atinge, tudo vira festa.

Vereadores venham a mim,

o povo não interessa.

Quatros anos passa logo,

minha ambição tem pressa

Como é fácil corromper

toda Câmara municipal.

Dos 10 só falta um

por causa do vínculo paternal

Que venha TCE, TCU, CGU

ou POLÍCIA FEDERAL ,

tenho padrinho forte,

Não adianta essa pilha processual

Ficha limpa, ficha suja,

não adianta aplicá-la.

Conseguir minha candidatura

o povo é que fica a sonhá-la.

Sou um político “nota 10”

Assim me auto-consagrei,

Pois tenho a arte do engano.

Para roubar nunca vacilei.

Só me dar raiva é ver

blogueiro metido a poeta,

fazer poema da minha corrupção

e me fazer de pateta.

Mega-Sena acumula e pode pagar prêmio de R$ 33 milhões no sábado

Por Luís Pablo Brasil
 

Da Folha

Ninguém acertou os números do concurso 1.272 da Mega-Sena, sorteados na noite desta quarta (6) em Pindamonhangaba (SP). O prêmio acumulou e pode pagar R$ 33 milhões no sábado (9), segundo estimativa da Caixa Econômica Federal.

As dezenas sorteadas foram: 13 – 26 – 27 – 28 – 35 – 52.

Ao todo, 113 bilhetes acertaram a quina e levaram R$ 22.189,35 cada um. Outras 9.626 apostas acertaram a quadra e ganharam R$ 372,11.

Quem quiser tentar a sorte no próximo concurso deve fazer suas apostas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio. A aposta mínima, de seis números, custa R$ 2.

Armazém Paraíba deve pagar indenização por constranger consumidores

Por Luís Pablo Maranhão
 

A terceira Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) manteve, na íntegra, a decisão do juiz Luiz Gonzaga Almeida Filho, da 8ª Vara Cível de São Luís, que condenou o Armazém Paraíba a pagar indenização de 10 mil reais por danos causados a consumidores. O valor será revertido ao fundo de que trata o artigo 13 da Lei 7.347/85. A determinação aconteceu na sessão desta quinta-feira, 7.

O processo iniciou com uma Ação Civil Pública movida pelo Ministério Público Estadual (MPE), com base em denúncia apresentada por seis consumidores que alegaram ter adquirido bens de utilidade doméstica do Armazém Paraíba, e, por estarem com algumas prestações em atraso, cobradores da empresa se dirigiram às suas residências para levar os móveis e eletrodomésticos comprados.

Um dos consumidores informou ao Ministério Público o fato de dois cobradores do Paraíba terem ido a sua casa para levar uma geladeira, devido ao atraso de três parcelas. Ao não permitir a retirada do bem, foi ameaçado de que se não comparecesse em 24h à loja para quitar o débito, voltariam e levariam a mercadoria.

DEFESA – Na ação, o Paraíba admite que utiliza a prática de receber as mercadorias vendidas, diante da inadimplência de seus clientes, e alega realizar essa conduta em comum acordo com a parte devedora, a qual assina no ato da compra o termo de devolução. A assinatura ocorre por meio da “ Declaração de devolução de mercadoria em comum acordo”, que consta no verso da ficha de cobrança.

Em contestação a determinação do juiz, o Armazém entrou com recurso no TJMA, sob alegação de que o MPE não tem legitimidade para ajuizar a ação, além de pedir o improvimento da indenização.

VOTO – Ao confirmar a decisão do juiz, o relator do processo, desembargador Cleones Cunha, enfatizou a legitimidade do MPE para ajuizar a ação, reafirmando ainda estar devidamente comprovado o abuso da empresa na cobrança das parcelas em atraso da compra dos seus produtos no Maranhão, expondo os consumidores à situações vexatórias em suas residências, na presença de vizinhos.

Ele também citou o artigo 42 do Código de Defesa do Consumidor, ao dispor que na cobrança de débitos, o consumidor inadimplente não será exposto ao ridículo, nem será submetido a qualquer tipo de constrangimento ou ameaça. Visando o respeito à dignidade do consumidor nas relações de consumo, ressaltou que no caso do Paraíba não se trata de cobrança corriqueira e legítima da dívida, mas os excessos cometidos com a finalidade de receber o débito.

Os desembargadores Stélio Muniz e Lourival Serejo acompanharam o relator.

(Com informações do TJ-MA)