100 dias de Dilma Rousseff: a mulher é o estilo

Por Luís Pablo Política
 

Dilma Rousseff completa hoje, 100 dias no cargo de presidente da República com o feito de ter dirimido a dúvida mais mordaz lançada contra ela por seus opositores durante a campanha eleitoral do ano passado: seria Dilma, criada à imagem e semelhança de Lula, capaz de comandar o País sozinha?

Para silenciar os críticos nesse quesito, a primeira mulher a ocupar a Presidência fez questão de imprimir a marca de uma governante austera e discreta.

Tais características provocaram comparações inevitáveis com seu antecessor e padrinho, um político afeito aos discursos e ao embate direto com a oposição, a mesma oposição que, para fustigá-lo e tentar enfraquecer seu mito, passou a elogiar o jeito de Dilma comandar o País.

A presidente, no entanto, nunca incentivou de público esse paralelismo, ainda que na política externa e na questão dos direitos humanos tenha adotado medidas frontalmente contrárias à atuação de Lula na área.

Os afagos da oposição se restringiram à forma. No PSDB e no DEM, ganham corpo as críticas ao conteúdo: “gastança” do governo, desaceleração do PAC e ameaça de inflação.

O corte de R$ 50 bilhões no Orçamento não convenceu o mercado e os opositores de que as contas públicas estão sob controle. Dúvidas de gestão à parte, resta ao fim dos 100 dias a certeza de que Dilma se impôs.

Parafraseando o francês conde de Buffon (1707-1788), para quem “o estilo é o homem”, hoje “a mulher é o estilo”.

TV Assembleia exibe documentário sobre Jackson Lago

Por Luís Pablo Política
 

A TV Assembleia exibirá neste domingo, 10, um documentário sobre a vida e a trajetória política do ex-governador do Maranhão, Jackson Kepler Lago (PDT), que faleceu no dia 4 de abril, em São Paulo. O programa terá duração de aproximadamente 20 minutos, com exibição às 9h e reprise às 20h.

Imagens de campanhas disputadas por Jackson Lago, dentre as quais para prefeito de São Luís e governador do Maranhão, serão exibidas no documentário. Fotos cedidas por amigos e familiares, algumas com Jackson ainda jovem, na militância política e na medicina, também enriquecem o trabalho que será apresentado pela TV Assembleia.

Delegado Sérgio Rêgo é condenado a três anos de prisão

Por Luís Pablo Polícia
 

Delegado Sergio Luís Rêgo Damasceno

O Delegado de Polícia Civil do Estado do Maranhão, Sergio Luís Rêgo Damasceno, irmão do ex-prefeito de Barras e ex-deputado estadual, Manin Rego, foi condenado a 3 anos, 1 mês e 9 dias de reclusão e 46 dias de multa, por estelionato, pelo Juiz da 3ª Vara Federal, Rodrigo Pinheiro do Nascimento.

O delegado Sérgio Rêgo foi denunciado a Justiça Federal por fraude contra a Caixa Econômica Federal pelo Procurador da República, Tranvanvan da Silva Feitosa em janeiro de 2002. O regime inicial de cumprimento da pena privativa de liberdade, segundo a sentença, deve ser o aberto.

O Juiz considera aconselhável e adequado a substituição da pena privativa de liberdade por duas restritivas de direito a ser definida pelo juiz da execução. O magistrado verificou na sentença, duas causas de aumento da pena, a fraude, perpetrada em desfavor de empresa publica federal, no caso a Caixa Econômica Federal (§ 3º do art.171 do Código Penal) e a continuidade delitiva (art.71 do Código Penal), prevista na parte geral do código, pois foram realizados vários saques em épocas distintas “mas, pelas condições de tempo, lugar e maneira de execução, devem os subseqüentes ser havidos como continuação do primeiro.

Portanto, incidindo-se, primeiramente, a causa de aumento prevista no art.171, §3º, do CP (Parte Especial), a pena base deve ser aumentada em 1/3.” Conduta Reprovável O Juiz considerou “o alto grau de reprovabilidade de sua conduta (de Sergio Rêgo), em decorrência de sua condição de advogado,” e também que “ os motivos da conduta envidada pelo acusado são reprováveis, tendo em vista que se aproveitou da boa-fé dos servidores (clientes) para angariar em proveito próprio vantagem indevida”. A sentença, de 25 páginas, é do dia 02 de março de 2011.

População em Timon fazem missa para Jackson Lago

Por Luís Pablo Maranhão / Política
 

Amigos, admiradores e dirigentes do PDT de Timon participam hoje, de uma missa em memória do ex-governador Jackson Lago que faleceu na última segunda-feira em São Paulo vítima de câncer de próstata.

A celebração acontecerá na igreja matriz de São José, no centro da cidade, a partir das 07 horas da manhã.

A morte do ex-governador mexeu muito com Timon. Vários segmentos da sociedade local lamentaram. No Jornal O Timonense desta semana, o auditor fiscal e ex-vice-prefeito de Timon, Marcos Igreja, prestou uma homenagem ao ex-governador. O artigo, muito bem escrito, é mais uma preciosidade para aqueles que admiram o legado deixado por Jackson Lago.

Vice-prefeito de Olinda Nova e irmão ainda estão foragidos

Por Luís Pablo Maranhão / Polícia
 

A polícia ainda não achou os irmãos Antônio Gentil Gomes e Manoel de Jesus Gomes (foto ao lado), acusados de mandar matar o lavrador quilombola Flaviano Neto, em outubro de 2010. Nessa segunda-feira (4), a Justiça expediu mandado de prisão preventiva contra os dois. O Tribunal de Justiça do Maranhão negou relaxamento de prisão, e eles são considerados foragidos.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), policiais militares, policiais civis e uma equipe do Grupo Tático Aéreo fazem as buscas pelos dois acusados.

Paula Fernandes em São Luis…

Por Luís Pablo Cidade
 

A musa do sertanejo

Com sua turnê “Paula Fernandes Ao Vivo”, a cantora Paula Fernandes irá se apresentar, pela primeira vez, em São Luís, no próximo sábado (16), no “Baladão Sertanejo”, produção da Lamparina Produções. O show será realizado na Nova Batuque e terá presença, também, de Jhonatan e Jardel e Mayara Prado. Cantora, compositora e instrumentista, a artista já foi indicada ao prêmio TIM de Música e soma mais de um milhão de visualizações dos novos clipes.

Aos 25 anos e depois de quatro álbuns independentes, a mineira de Sete Lagoas chega ao grande público por meio da Universal Music, que lança o álbum “Pássaro de Fogo”, reunindo quinze canções autorais da artista, incluindo o estrondoso sucesso “Meu eu em você”, composição de Paula Fernandes na voz da dupla Victor & Leo.

Os ingressos do primeiro lote custam R$ 40 (pista) e R$ 80 (camarote) e estão à venda na Lacoste (avenida dos Holandeses), loja iByte (Rio Anil Shopping) e Nova Batuque.

Mais de 45 mil eleitores maranhenses devem regularizar título até quinta

Por Luís Pablo Maranhão
 

Encerra na próxima quinta-feira, dia 14 de abril, o prazo para que os eleitores faltosos em todo o estado do Maranhão, ou seja, aqueles que não votaram e não justificaram a ausência nas três últimas eleições, regularizem sua situação com a Justiça Eleitoral.

Para isso, é indispensável o comparecimento do eleitor em débito ao cartório eleitoral mais próximo.

Segundo a Seção de Informações e Estatísticas Eleitorais (SELEI) do TRE-MA, atualmente existe mais de 45 mil eleitores maranhenses inadimplentes com a justiça eleitoral correndo o risco de ter seu título cancelado, com exceção dos municípios de São Vicente Férrer, São João Batista, Cajapió, Paço do Lumiar e Raposa que sofreram revisão biométrica antes do cancelamento geral, já que quem não se recadastrou teve automaticamente seu título cancelado. No ano de 2007, foram 69.547 títulos eleitorais cancelados em todo o estado.

A atualização sempre ocorre logo após as eleições, lembrando que cada turno é considerado uma eleição. As eleições que tiverem sido anuladas por determinação da Justiça, não são contadas.

Conseqüências – Existem conseqüências para o eleitor que não regularizar sua dívida com a Justiça Eleitoral: o eleitor fica impedido de obter passaporte ou carteira de identidade, receber salários de função ou emprego público e obter certos tipos de empréstimos e inscrição. Além disso, pode gerar dificuldades para investidura e nomeação em concurso público, renovação de matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo e obtenção de certidão de quitação eleitoral ou qualquer documento perante repartições diplomáticas a que estiver subordinado.

Isentos – Não estão sujeitos a penalidades, os eleitores que detém a prerrogativa constitucional do voto facultativo como: os analfabetos, os que à época da eleição tinham entre 16 e 18 anos e os maiores de 70 anos. Além dos eleitores portadores de deficiência que impeça o cumprimento das obrigações eleitorais.

(Com informações do Central de Notícias)

Contratos da Cruz Vermelha com a SES sob intervenção, e o ICN?

Por Luís Pablo Política
 

Do blog de Gilberto Léda

O secretário de Estado da Saúde, Ricardo Murad, determinou, na última sexta-feira (8), a intervenção em todos os contratos da Cruz Vermelha, filial do Maranhão, com a SES. Atualmente, a Cruz Vermelha gerencia serviços nos hospitais estaduais Carlos Macieira (Ipem), Aquiles Lisboa, Infantil Juvêncio Matos, Nina Rodrigues e Centro de Saúde Genésio Rego.

Os contratos em todas as unidades serão administrados agora pelo Celso Henrique Anchieta de Almeida.

Segundo Murad, a medida tem como objetivo sanar irregularidades apontadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) em relatório encaminhado à Secretaria no início do ano.

De acordo com o TCE, a Secretaria de Saúde repassou os recursos regularmente, mas a instituição não fez o pagamento de fornecedores e prestadores de serviços.

Comentário do blog:

Até aí tudo bem. Mas e o Instituto Cidadania e Natureza (ICN), representado por Benedito Silva Carvalho, que já foi diversas vezes denunciado pelo secretário de Saúde, Ricardo Murad, que afirmava que o ICN servia para abastecer o propinoduto da gestão de José Reinaldo Tavares e que no governo seguinte, de Jackson Lago, ganhava e bancava membros do alto escalão estadual, não vai ter seus contratos com a SES sob intervenção?

Será que o ICN está sendo privilegiado?

Papa Bento XVI convida os cariocas a dizerem não contra a violência

Por Luís Pablo Brasil
 

Da Folha

O papa Bento XVI enviou mensagem de solidariedade às famílias das crianças mortas por um atirador na Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo, zona oeste do Rio de Janeiro. A mensagem foi encaminhada ao arcebispo do Rio de Janeiro, dom Orani João Tempesta.

Na mensagem, o papa Bento XVI deseja pronta recuperação às crianças que ficaram feridas e convida todos os cariocas a dizer não à violência. “Santo Padre convida todos os cariocas, diante desta tragédia, a dizer não à violência que constitui caminho sem futuro, procurando construir uma sociedade fundada sobre a justiça e o respeito pelas pessoas, sobretudo os mais fracos e indefesos”.

Na próxima quarta-feira, o arcebispo dom Orani Tempesta celebra missa às 9h em homenagem às vítimas, no pátio da Escola Municipal Tasso da Silveira, palco da tragédia.

Em nota divulgada ontem (7), dom Orani lamentou o ocorrido e disse rezar pela dor de todos que foram vitimados, pais, parentes e amigos. “Peço ao Senhor Jesus, neste tempo de Quaresma, que a todos conforte, e envio também uma bênção especial, pedindo a Deus que tal fato não volte a acontecer em nossa cidade”.