Homem é preso por aplicar ‘Boa noite, Cinderela’ em universitária no MA

Por Luís Pablo Polícia
 

Pablo de Moraes Amaral foi preso suspeito de estuprar uma estudante universitária em Imperatriz

Pablo de Moraes Amaral foi preso suspeito de estuprar uma estudante universitária em Imperatriz

Um homem identificado como Pablo de Moraes Amaral foi preso suspeito de estuprar uma estudante universitária em Imperatriz, a 626 km de São Luís. De acordo com informações, ele está sendo investigado por suspeita de estupro de vulnerável, a vítima teria sido dopada com uma droga na bebida.

Pablo Amaral cumpre mandado de prisão preventiva expedido pela 2ª Vara Criminal de Imperatriz e estava respondendo ao processo em liberdade com restrições, sem poder frequentar bares e boates.

Segundo a delegada, Silviana Tenório, a vítima relatou que encontrou filmagens no celular do suspeito. “Ela passou mal durante a festa e ele disse que a levaria para tomar água. No dia seguinte a vítima acordou na casa dele e teve um flash, segundo ela, de que teriam mantido relação sexual. Ela estava sem a bolsa e o celular, afirmou que ficou mexendo no celular dele e encontrou um vídeo em que ele tinha filmado ela nua, sendo que ela acordou vestida”, explicou a delegada.

Ainda segundo a delegada, Pablo vai continuar sendo investigado em relação ao estupro de vulnerável. “Agora nós temos um crime novo que é o de filmar sem o consentimento da vítima. A princípio são esses dois crimes que está no meu inquérito da Delegacia da Mulher. Fora o processo que ele já responde por tentativa de homicídio”, finalizou.

(Com informações do G1MA)

Vídeo mostra cena de briga entre Neymar e mulher que o acusa de estupro

Por Luís Pablo Mundo / Polícia
 
Vídeo mostra cena de briga entre Neymar e mulher que o acusa de estupro

Vídeo mostra cena de briga entre Neymar e mulher que o acusa de estupro

Viralizou na noite desta quarta-feira (5) um vídeo de uma discussão entre Neymar e Najila Trindade no quarto do hotel em que os dois se encontraram, em Paris, no último mês de maio.

Nas imagens, é possível ver a mulher partindo para cima de Neymar e dando tapas enquanto repete: “Mas eu vou te bater. Sabe por quê? Porque você me agrediu ontem e me deixou aqui sozinha”, grita Najila, enquanto Neymar rebate: “Calma, calma”.

CLIQUE E VEJA:

Vereadores são presos por tentativa de extorsão a prefeita no Maranhão

Por Luís Pablo Política
 

Nas primeiras horas da manhã de hoje, dia 5, homens da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic) prenderam um grupo de vereadora no município de Vitória do Mearim-MA.

Os parlamentares são acusados de tentava de extorsão a prefeita da cidade, Dídima Coelho. Eles queriam R$ 320 mil para arquivar uma CPI que está em andamento na Câmara.

Os vereadores foram gravados pelo marido da prefeita, extorsão feita pelo marido da prefeita, o promotor público aposentado, Almir Coelho.

Os alvos da operação foram o presidente da Câmara, George Maciel, Hélio Silva, Oziel Silva, Marcelo da Colônia, Nego Mauro, José Mourão e Nonato de Cheio.

Deputado Juscelino Filho compra cavalo recém-nascido por meio milhão de reais

Por Luís Pablo Política
 
Deputado Juscelino Filho durante o leilão sendo anunciado como novo comprador do cavalo

Deputado Juscelino Filho durante o leilão sendo anunciado como novo comprador do cavalo

No último domingo, dia 2, o deputado federal maranhense Juscelino Filho (DEM) participou de um leilão no município de Boituva, no Estado de São Paulo.

No Leilão “Roxão 25 anos”, o parlamentar arrematou um potro (cavalo de apenas 9 meses) por meio milhão de reais. Detalhe: ele pagou todo esse montante para ser apenas dono da metade do animal.

No vídeo abaixo, obtido pelo site do Luís Pablo, o locutor diz que Juscelino lhe procurou no final do leilão para comprar o cavalo.

A equipe de reportagem deste site conseguiu a nota da compra do animal que não está no nome do deputado, o que é muito estranho. Mas essa é uma outra história que será publicada num novo post.

CLIQUE E VEJA:

ESCÂNDALO! MP denuncia Prefeitura de Barra de Corda por irregularidades

Por Luís Pablo Política
 

Devido a irregularidades em contrato para construção de quatro quadras desportivas em escolas, o Ministério Público do Maranhão propôs, em 23 de maio, Ação Civil Pública por ator de improbidade contra o prefeito de Barra do Corda, Wellryk Oliveira Costa da Silva, conhecido como Eric Costa.

Também são alvos os integrantes da comissão permanente de licitação João Caetano de Sousa, Salatiel Costa dos Santos e Francisco de Assis Fonseca Filho; o ordenador de receita e despesa da Prefeitura, Oilson de Araújo Lima; os empresários Obdias Alves Batista e Obadias Queiroz Batista Júnior, além da empresa Quadrante Construtora LTDA-EPP.

A manifestação ministerial foi ajuizada pelo promotor de justiça Guaracy Martins Figueiredo.

Consta nos autos que o município de Barra do Corda firmou contrato com a empresa Quadrante Construtora LTDA-EPP para a construção de quatro quadras poliesportivas cobertas em escolas no valor estimado de R$ 2.036.013,76, no exercício de 2015. No entanto, análise da Assessoria Técnica do MPMA atestou diversas irregularidades na licitação e no contrato de serviço.

Entre as falhas constatadas estão: ausência de documentos no processo licitatório, desrespeito a prazos legais, assinatura de documentos por pessoas não autorizadas etc.

Além disso, o processo contém um termo de distrato amigável, sem prejuízo à empresa e ao município. Veda ainda que seja pleiteado judicial e extrajudicialmente qualquer direito ou pagamento oriundo do contrato.

A 1ª Promotoria de Justiça de Barra do Corda constatou que houve posterior quebra de contrato.

Ao todo, foram realizados cinco pagamentos: R$ 127.266,07 referente à medição da quadra poliesportiva no povoado Cajazeira; R$ 39 mil pela medição da quadra poliesportiva do povoado Ipiranga e três pagamentos de R$ 88.040,62, referentes às medições dos povoados Nenzim, Três Lagoas do Manduca e Ipiranga.

PEDIDOS

O MPMA requereu a condenação dos envolvidos de acordo com a Lei 8.429/82 (Lei da Improbidade Administrativa), com as seguintes sanções: a indisponibilidade dos bens de todos os requeridos, ressarcimento integral do dano, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos pelo prazo de oito anos, pagamento de multa civil de duas vezes o valor dos danos perpetrados ou de até 100 vezes o valor da remuneração recebida pelo agente público.

Também consta como penalidade a proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, pelo prazo de cinco anos.

MONSTRO! Homem é preso por estuprar as duas filhas no Maranhão

Por Luís Pablo Polícia
 
Adeiton Soares Mendes, preso por abusar sexualmente das duas filhas

Adeiton Soares Mendes, preso por abusar sexualmente das duas filhas

Um homem, identificado como Adeiton Soares Mendes, foi preso suspeito de abusar sexualmente de suas duas filhas. O crime aconteceu no bairro Mutirão, cidade de São Bento.

Para os policiais, Adeilton confessou que vinha mantendo relação sexual com as filhas e que as estava ameaçando. Uma das vítimas teria engravidado e foi obrigada pelo abusador a abortar.

De acordo com informações da polícia, Adeiton foi encaminhado para a Delegacia de São Bento e em seguida para o presídio de Pacas, localizado na cidade de Pinheiro.

(Com informações do Imirante)

Fábio Macedo apresenta projeto de Lei em benefício para pessoas com depressão

Por Luís Pablo Política
 
Deputado Fábio Macedo

Deputado Fábio Macedo

O deputado estadual Fábio Macedo (PDT), apresentou nesta segunda-feira(03), na tribuna da Assembleia Legislativa, o Projeto de Lei que prevê a criação de um Programa de Auxílio Psicológico para pessoas com depressão no âmbito do Estado.

O projeto tem o objetivo de desenvolver uma rede de serviços de atendimento aos usuários que seja plural, com diferentes abordagens terapêuticas, com atendimentos em hospitais de referência em saúde mental do Estado, Centros de Atenção Psicossocial e enfermarias especializadas, assim como incentivar outras ações de prevenção e incentivo educacional de combate à depressão.

“Como bem sabemos, a depressão é uma doença silenciosa que vem avançando cada vez mais e hoje já atinge quase 6% da população brasileira. Eu mesmo já fui vítima dessa doença e sei como um atendimento de qualidade é crucial para a vida de quem sofre com isso. No dever de representar o povo maranhense, acredito que todo o cidadão tem direito a um tratamento adequado de saúde e isso inclui a saúde mental. Precisamos cuidar e amar uns aos outros, quantos ao nosso redor têm perdido o brilho, a alegria e desistido de viver? Como dizem os especialistas, a depressão será o mal deste século, precisamos empenhar os nossos esforços, no sentido de não permitir que este mal se alastre e dizime cada vez mais vidas”, disse o parlamentar.

Fábio ainda lembrou como a doença tem afetado cada vez mais os jovens e tem atingido especialmente crianças e adolescentes, que tem recorrido a automutilações e até suicido.

“Precisamos proteger, saber como identificar e tratar adequadamente as nossas crianças e adolescentes da depressão. Tenho filhos em idade escolar e todos os dias me assusto com relatos de depressão entre esse público”.

Luta contra a depressão

Durante a apresentação do Projeto de Lei, Fábio Macedo ainda relatou a sua luta pessoal contra a depressão e como vem encarando a doença.

“Infelizmente a depressão tem me acompanhado a algum tempo. Assim como outras vítimas dessa doença, confesso que tinha vergonha de procurar ajuda, achava que auxílio psicológico era coisa de louco e isso me levou ao sofrimento e a dor. Uma pouco antes da campanha eu caí, são várias pressões e isso somado a uma cirurgia bariátrica, fez com que eu piorasse. Meus amigos, eu cheguei ao extremo, tive atitudes que envergonharam a mim e a toda minha família, mas hoje com a graça de Deus e um tratamento adequado, eu tenho lutado, não posso dizer que estou 100% curado mas estou no caminho certo”, afirmou.

Na ocasião, o pedetista recebeu o apoio de vários colegas parlamentares, que o parabenizaram pelo Projeto e também pela coragem de expor a sua condição e o enfrentar a depressão. Pediram a parte as deputadas Mical Damasceno e Daniella Tema e os deputados Zé Inácio, Wellington do Curso, Edivaldo Holanda e Rafael Leitoa.

Depressão

A Organização Mundial da Saúde estima que a depressão atinja cerca de 300 milhões de pessoas. São vidas silenciadas que apresentam baixo rendimento na escola, queda na produtividade no trabalho e recorrem ao vício, tentando a todo custo gritar por socorro.

A doença figura como principal causa de incapacitação no mundo e com grande chance de se tornar a segunda maior carga de doença até 2030.

O atendimento à depressão é apontado como desafio para a área da saúde pública. O plano de Ação Global de Saúde Mental 2013-2020 da OMS fortaleceu a concepção de que o atendimento à saúde mental deve ser feito em centros comunitários de atenção à saúde.

Dessa forma, o atendimento à depressão é sustentado por um conjunto de políticas que possibilita construir modelo de atenção que visa ao atendimento integral do usuário.

Ex-prefeita é denunciada por um rombo de R$ 13 milhões nos cofres públicos

Por Luís Pablo Política
 
Ex-prefeita Malrinete

Ex-prefeita Malrinete

A ex-prefeita Malrinete dos Santos Matos (conhecida como Malrinete Gralhada) e mais seis pessoas, incluindo empresários e servidores municipais de Bom Jardim, foram denunciados pelo Ministério Público do Maranhão, em 29 de maio, pela prática de diversos crimes, entre os quais fraudes em licitação, associação criminosa e falsidade ideológica.

Além de Malrinete Gralhada, figuram como denunciados os empresários Wilson Piaza Rodrigues Pinheiro (representante da empresa Piaza e Cia) e Lucas Fernandes Neto (da Contrex Construções e Serviços Eireli) e os servidores municipais Júlia Silva Araújo (ex-pregoeira do município), Maria Celma Ripardo, Gilvan Cunha de Sousa e Irlene Ribeiro Lima (estes dois últimos eram integrantes da Comissão Permanente de Licitação).

De acordo com a Promotoria de Justiça de Bom Jardim, as irregularidades praticadas teriam gerado um desvio de R$ 13.141.831,12 dos cofres públicos, valor que o MPMA busca ressarcir ao erário por meio da ação.

Um Procedimento Investigatório Criminal instaurado pelo promotor de justiça Fábio Santos de Oliveira constatou que, desse total desviado, R$ 3.408.619,76 são referentes às contratações sem licitações; R$ 3.203.842,60 foram destinados à Contrex e R$ 6.529.368,76 tiveram como destino a empresa Piaza & Cia.

O esquema consistia no beneficiamento de empresas contratadas, inicialmente, sem licitação e, posteriormente, com direcionamento e favorecimento de procedimentos licitatórios, com provável desvio de recursos públicos no Município de Bom Jardim.

ENTENDA O CASO

Em 5 de setembro de 2015, Malrinete Gralhada foi empossada como prefeita de Bom Jardim, logo após Lidiane Leite da Silva ser afastada do cargo por decisões dos Poderes Judiciário e Legislativo.

No dia 15 do mesmo mês, a então prefeita Malrinete emitiu o Decreto n° 06/2015 pelo qual instituiu o estado de emergência financeira e administrativa no Município de Bom Jardim, suspendeu a execução de todos os contratos celebrados pela gestora anterior e lhe concedeu poderes para contratar diretamente bens e serviços, sem licitação, pelo prazo de 110 dias, até o dia 31/12/2015.

Na sequência, empresas amigas foram escolhidas para contratar diretamente, sem licitação, autorizadas por tal decreto.

Posteriormente, as mesmas empresas agraciadas com as contratações com dispensa de licitação, venceram diversos procedimentos licitatórios entre os anos 2015 e 2016, com base nos quais celebraram contratos milionários com a Prefeitura.

Ao perceberem a ilegalidade, vereadores de Bom Jardim prepararam uma representação contra Malrinete Gralhada e demais réus e encaminharam à Promotoria de Justiça de Bom Jardim/MA.

O Ministério Público, então, instaurou procedimentos administrativos para investigar os fatos. Assim que foram obtidas provas suficientes para comprovar as ilegalidades, a Promotoria de Justiça de Bom Jardim ajuizou as Ações Civis Públicas de n°464-84.2016.8.10.0074 em e 416-28.2016.8.10.0074.

Na sequência foi interposta a Ação de Improbidade Administrativa de n° 1360-30.2016.8.10.0074 (13722016).

Em tramitação na Justiça Estadual, as Ações Civis Públicas já resultaram em sentenças condenatórias, nas quais consta a anulação dos contratos celebrados entre os réus, bem como das licitações e dispensas que deram origem a eles.

PÂNICO NA LITORÂNEA! Bandidos tocam terror na praia em São Luis

Por Luís Pablo Polícia
 

Quem foi ontem, dia 2, curtir uma praia em São Luís passou por momentos de pânico na avenida Litorânea. Na tarde de domingo, dois casais assaltaram um taxista nas proximidades da AABB. O motorista foi atingindo com um tiro de raspão.

Após o assalto, os bandidos seguiram rumo a avenida Litorânea, onde acabaram capotando o carro. Os bandidos se evadiram do local e invadiram um bar na praia.

A polícia cercou os assaltantes e houve uma troca de tiros. Foi um verdadeiro corre-corre e várias pessoas chegaram a atravessar a avenida da Litorânea correndo risco de serem atropeladas.

A PM conseguiu prender todos os bandidos.

Preso um dos suspeitos de assassinar vereador de Maranhãozinho

Por Luís Pablo Política
 
O assassinato ocorreu no último dia 23 de abril

O assassinato ocorreu no último dia 23 de abril

Na manhã desta sexta-feira (31), a Polícia Civil prendeu o vaqueiro Egídio Silva Pires, conhecido “Nó Cego”, em uma fazenda do município de Santa Luzia do Paruá, no Maranhão. Ele é apontado como um dos executadores do vereador do município de Maranhãozinho, João Pereira Serra, conhecido como “Jango”.

O fato ocorreu no último dia 23 de abril em uma região de várias fazendas do município de Maranhãozinho.

Os trabalhos foram coordenados pela Superintendência Estadual de Homicídios e Proteção à Pessoa (Shpp), que continua as investigações e diligencias na região na busca da segunda pessoa que teve participação no crime.

Além disso a polícia investiga a motivação e quem foi o mandante. A operação teve apoio da Delegacia Regional de Zé Doca.

(Com informações do Imirante)